Montes Claros consegue cumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal

     A Prefeitura de Montes Claros conseguiu economizar aproximadamente R$39 milhões, em 2017, com as despesas com servidores, conforme estimativas do secretário municipal de Gestão e Planejamento, Claudio Rodrigues de Jesus, com base nos dados de 31 de dezembro. Foram 1.553 servidores a menos em relação ao ano de 2016, o que dá uma média de economia de R$3 milhões por mês e, com isso, R$39 milhões se incluído o 13º salário. Os dados iniciais mostram que Montes Claros gastou 52,62% com os servidores, abaixo dos 54% exigidos pela Lei de Responsabilidade Fiscal. Porém, esse valor deverá cair ainda mais, pois no dia 29 de dezembro o Estado depositou R$9,5 milhões do ICMS retido, que é de R$12 milhões. Também entrará o que se arrecadou de taxas, impostos e FPM. A meta é ficar com 51%.

    Atualmente, a Prefeitura conta com 9.272 servidores. Destes, 4.624 são efetivados e 4.648 são contratados. A Prefeitura de Montes Claros nesse ano reestruturou seu quadro de funcionários. O objetivo da ação foi reduzir a folha de pagamento. Com isso, a administração municipal que tinha 10.825 funcionários, passou a contar com 9.272 servidores. No ano de 2016 Montes Claros foi colocado no Alerta Administrativo pelo Tribunal de Contas de Minas Gerais, durante todo ano, por passar dos 65% com a folha de pagamento.

    Via Girleno Alencar - Jornal Gazeta

    © 2015 Your Company. All Rights Reserved. Designed By JoomShaper