Montes Claros quer compensação ambiental conjunta pelos danos à natureza

     Uma equipe da Prefeitura de Montes Claros participou na noite da última terça-feira (23), na cidade de Janaúba, de uma audiência pública que discutiu sobre uma possível compensação ambiental pelos danos e impactos à fauna e flora, que poderão ser causados pela empresa Equatorial Energia, com a implantação de 594 quilômetros de linhas de transmissão (500 KV Igaporã III –Presidente Juscelino), passando por Montes Claros e mais 11 municípios do norte de Minas, além de outros 17 municípios da Bahia
    e Minas Gerais.

    Para a diretora municipal de Meio Ambiente de Montes Claros Anildes Lopes Evangelista, as reivindicações feitas por Montes Claros foram determinadas pelo prefeito Humberto Souto, e abrange o cercamento de nascentes e um corredor ecológico, com árvores de vegetação baixa e nativas do cerrado, para amenizar o impacto ambiental que a linha de transmissão causará.
    Segundo Evangelista, somente com a união dos municípios do norte de Minas reivindicando ações coletivas, será possível amenizar os impactos ambientais e ainda abranda esta crise hídrica enfrentada pelos norte-mineiros.
    “Para permitir um livre deslocamento de animais, a dispersão de sementes e o aumento da cobertura vegetal para o enriquecimento ambiental, é necessário, dentre outras coisas, da união dos nossos municípios reivindicando o cercamento das nascentes e a criação de um corredor de biodiversidade para beneficiar toda a região, além de ser uma forma de amenizar esta estiagem prolongada que enfrentamos”, disse.

    A empresa Equatorial Energia foi a vencedora do leilão do lote 14, que prevê a implantação de 594 quilômetros de linhas de transmissão (500 KV Igaporã III – Presidente Juscelino)  na Bahia e Minas Gerais.
    A linha de transmissão percorrerá 29 municípios, sendo cinco no estado da Bahia: Caetité, Guanambi, Candiba, Pindaí e Urandi e 24
    no estado de Minas Gerais: Augusto Lima, Bocaiuva, Buenópolis, Catuti, Engenheiro Navarro, Espinosa, Francisco de Sá, Glaucilândia, Gouveia, Guaraciama, Joaquim Felício, Janaúba, Juramento, Mamonas, Mato Verde, Monjolos, Monte Azul, Montes Claros, Nova Porteirinha, Olhos D’Água, Pai Pedro, Porteirinha, Presidente Juscelino e Santo Hipólito.

    © 2015 Your Company. All Rights Reserved. Designed By JoomShaper