AÉCIO NEVES SERÁ PRESO NO PRÓXIMO DIA 20

     - Maior articulador do golpe parlamentar de 2016 que arruinou a economia do País, o senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG) será preso no próximo dia 20, por determinação da 1ª Turma do Supremo Tribunal Federal que decidiu manter sua irmã Andrea Neves na prisão. Por coerência, Aécio não terá escapatória, por ser o chefe da quadrilha. Ele é acusado de corrupção passiva pelo recebimento de R$ 2 milhões em propina da JBS, e por obstrução de Justiça, por tentar impedir os avanços da Operação Lava Jato. O pedido de prisão de Aécio, feito pelo procurador-geral Rodrigo Janot, será julgado no próximo dia 20 também pela Primeira Turma, que é composta por cinco ministros, dos quais três - Luis Roberto Barroso, Rosa Weber, Luiz Fux, Marco Aurelio Mello e Alexandre de Moraes. Os três primeiro votaram pela manutenção da prisão preventiva de Andrea Neves. Enquanto os dois últimos votaram pela libertação de Andreaa 1ª Turma do Supremo Tribunal Federal, presa na operação Patmos após da delações da JBS, acusada de corrupção passava. Ao pedir a conversão da preventiva em medidas cautelares, como uso de tornozeleira eletrônica, ela disse sua prisão se baseia em acusações contra o irmão. Andrea diz que se as acusações feitas pelo empresário Joesley Batista, dono da JBS, forem confirmadas, eventuais irregularidades são de responsabilidade de Aécio Neves. Se a maioria dos ministros da Primeira Turma do STF manteve Andrea Neves na prisão, que apontou para crimes praticados pelo irmão, é improvável imaginar que os magistrados deixariam o "líder" solto.

    © 2015 Your Company. All Rights Reserved. Designed By JoomShaper