Felipe Gabrich: cadê os black blocs?

     - Onde andam os caminhoneiros e seus protestos contra as altas do óleo diesel? -
    De Felipe Gabrich - Via facebook

    Interessante: teriam sido os movimentos populares de 2016 fomentados pelos partidos políticos?
    O cidadão brasileiro inteligente e apartidário pensava com seus botões: com o golpe parlamentar/midiático/judicial, pelo menos duas ações marcadas pela violência deixaram de existir no panorama urbano das grandes cidades do país em protesto contra o governo Dilma Rousseff.
    Coincidência?
    Onde andarão os “Black-blocs” que depredaram São Paulo e Rio de Janeiro em 2016?
    Alguém foi preso? Processado? Condenado?
    Cadê as paralisações de estradas e acessos das cidades grandes pelos caminhoneiros em protesto contra as altas do óleo diesel e pela instituição da tarifa mínima e do salário unificado?
    “Vai ver que os aumentos do preço do óleo diesel atuais são falsos”, "barbeirou" o filósofo do sertão João Conta Outra, ao ver sua casa depredada por arruaceiros.
    E concluiu buzinando de raiva: “Essas classes dominantes são capetas mesmo. Vai mentir para o povo assim lá na Sibéria”.

    © 2015 Your Company. All Rights Reserved. Designed By JoomShaper