S&P's: quem a Míriam pensa que engana?

     O calote vem aí! (Os bancos sabem...)
     Quarenta e oito horas depois de os canalhas, canalhas e canalhas se lambuzarem com a inflação derivada de uma brutal recessão e da maior taxa de juros reais DO MUNDO, a agência de risco Standard & Poor's rebaixou em três degraus a nota do Brasil.

    Por Paulo Henrique Amorim -Conversa Afiada

    O Brasil passa a ficar na rabeira do "nível de investimento", perto, talvez, da Síria.

    Essas agências de "risco" não valem nada.

    São extensões dos bancos americanos.

    Quem assistiu ao premiado documentário "Inside Job" conhece o porco trabalho delas, na crise de Wall Street de 2008.

    Seus economistas de quinta categoria ratificam e acobertam as safadezas dos bancos.

    Mas, o "mercado", os açougueiros do tаl neolibelismo e os colonistas pigais (tudo a mesma sopa) levam essas agências a sério.

    O PiG diz que a S&P's culpa a "previdência" pelo rebaixamento.

    Mentira.

    O centro do rebaixamento é o estouro do rombo do Meirelles.

    A constatação de que o deficit é cavalar e o calote vem aí.

    Com ou sem previdência ou com o estupro da "regra de ouro".

    Simples assim.

    E como fica a Cegonhóloga?

    E suas róseas previsões?

    No lixo.

    Ninguém as leva a sério.

    Só os patrões dela.

    PHA

    © 2015 Your Company. All Rights Reserved. Designed By JoomShaper