Cidadania expulsa Fernando Cury, o taradão da Assembleia Legislativa de São Paulo

 O conselho de ética do Cidadania decidiu neste domingo (10) pela expulsão do deputado estadual Fernando Cury, flagrado pelas câmeras da Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) apalpando a deputada Isa Penna, do PSOL.

Segundo comunicado do partido, “a importunação sexual sofrida pela deputada fere frontalmente o código de ética do Cidadania“.

O parecer da Comissão e o relatório serão encaminhados para a presidência do Cidadania.

Um trecho do vídeo da Alesp sugere que o deputado Fernando Cury (Cidadania) anunciou a um colega que iria assediar a deputada Isa Penna (Psol), que estava conversando com o presidente da Assembleia.

Momentos antes da cena do assédio, que foi registrada pelas câmaras da Alesp, Fernando Cury conversa com um colega, não identificado. Em seguida, ele sai em direção a Isa Penna e o colega tenta puxá-lo pelo braço.

O vídeo mostra perfeitamente o momento em que Fernando Cury é puxado pela manga do paletó, mas escapa e o colega não consegue demovê-lo de ir em direção à deputada.

Veja trecho do vídeo:

Em nota, o partido PSOL afirmou que Isa Penna e outras parlamentares já foram assediadas em outras ocasiões. “A deputada Isa Penna é conhecida por atuar em prol do combate à violência contra as mulheres e afirma que a violência política de gênero que sofreu publicamente na Alesp infelizmente não é um caso excepcional, dado que ela e as deputadas Mônica Seixas e Erica Malunguinho, do mesmo partido, já foram assediadas em ocasiões anteriores”, diz a nota. Isa Penna também registrou boletim de ocorrência por assédio sexual e uma denúncia formal por quebra de decoro contra o deputado estadual.

Deixe um comentário