Justiça cassa mandato do prefeito de São Romão e presidente do Cisrun, Marcelo Meireles

O Juiz da Comarca de São Romão, Eliseu Silva, cassou os mandatos de Prefeito e Vice-Prefeito do Município de São Romão, Marcelo Meireles de Mendonça e Leonardo Vasconcelos Ribeiro, no norte de Minas Gerais, por terem praticados captação de sufrágio no curso da campanha eleitoral.

A sentença, que foi publicada no dia  26/8,  cabe recurso.

Segundo a denúncia, o prefeito prometia tratamento fora do domicílio para a população indevidamente, segundo as gravações apresentadas pelo denunciante, onde o prefeito fala que para os amigos ele dava o valor que queria. E para o povo um valor mínimo, e que a Secretária de Saúde não resolvia e nem mandava nada.

O uso indevido dos TFDs, pode ter interferido no resultado das eleições em São Romão, que foram decididas com quantidade mínima, 48,64% para Marcelo Meireles e 47,62% Allan do Sax..

Leia aqui a sentença do juiz Eliseu Silva, de São Romão

Cisrun

Marcelo Meireles de Mendonça também foi eleito presidente do Consórcio Intermunicipal de Saúde da Rede de Urgência do Norte de Minas (Cisrun). Ele venceu o prefeito de Claro dos Poções, Norberto Marcelino, por 36 votos a 23.

Deixe um comentário