Jair Bolsonaro é chamado de golpista, genocida e ladrão, é corno e gay

Enquanto a miséria bate na porta com milhões de brasileiros passando por dificuldades graves com a fome e o desemprego, o Brasil só fala da baixaria total do governo Bolsonaro.
Depois que o senador Ranolfe Rodrigues afirmou que Bolsonaro é um genocida e ladrão, e o ex-funcionário Marcelo Luiz Nogueira de Santos, revelar que Bolsonaro é corno. Agora é a vez do deputado federal Rodrigo Maia, garantir que Bolsonaro é gay.

Para o Jornalista Fábio Pannunzio, não importa se Bolsonaro é gay ou corno; importa se ele é ladrão e golpista

‘A baixaria chegou ao Poder no Brasil levada por Bolsonaro. O governo do Genocida começou sob o signo do Golden Shower, o primeiro escândalo escatológico desde o advento do novo fascismo que se instalou no País.(…)

Se Bolsonaro é corno ou não, isso só interessa a ele e suas amantes. Mas é de interesse geral a informação de que foram as traições de Ana Cristina Valle com um bombeiro que fazia a segurança da família que levaram o Imperador da Rachadinha a transferir da ex-mulher para o miliciano Queiros a arrecadação do dinheiro roubado de funcionários fantasmas empregados nos gabinetes da família.’

 

Rodrigo Maia: “Bolsonaro é gay, mas não assume por causa da ideologia militar”

Em entrevista para um podcast, o atual secretário do governo Doria afirmou que é preciso fazer o debate e que o exército é muito atrasado no debate sobre orientação sexual

O ex-presidente da Câmara dos Deputados e atual secretário do governo de João Doria (PSDB-SP), Rodrigo Maia (DEM-RJ), declarou em entrevista ao Derretecast que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) é gay, mas não tem coragem de sair do armário.

“Eu acho que ele é gay e não tem nenhum problema. Você não tem uma mulher trabalhando com ele, que ele admire. E qual é o problema? Como ele tem formação militar… não estou brincando, a gente tem que fazer esse debate”, disse Maia.

“Ele não consegue assumir o qu ele é. Eu falo isso pra todo mundo e o pessoal começa a rir e depois falam ‘acho que você tem razão’. Não tem problema nenhum, eu tenho grandes amigos que são homossexuais assumidos, o próprio governador Eduardo Leite assumiu agora e é um cara maravilhoso”, disse.

Por fim, Maia afirmou que Bolsonaro “só briga com mulher, agride, fica com essa coisa de ‘vamos namorar’, agora, como ele tem formação militar, que é muito reacionária, que é muito atrasada nesse aspecto da orientação sexual, ele prefere dizer que é machão”.

Jean Wyllys: “Bolsonaro é um misógino”
O ex-deputado federal Jean Wyllys respondeu ao comentário de Rodrigo Maia e afirmou que Bolsonaro é um “homofóbico”.

“Querido Rodrigo Maia, deixe-me te explicar uma coisa: o genocida é seguramente misógino, sexista e machista, e tem doentia fixação no coito anal e inveja do gozo da homossexualidade. Tudo isto faz dele um homofóbico, não um gay. Gay sou: ser gay tem a ver com o orgulho de ser!”, criticou Wyllys.

Randolfe Rodrigues: “Bolsonaro é genocida e ladrão”
O senador Randolfe Rodrigues, que é graduado em História, bacharel em Direito e mestre em políticas públicas pela Universidade Estadual do Ceará, afirmou ao jornalista Marco Antônio Villa, que Bolsonaro é genocida e ladrão.
Veja abaixo a entrevista

#BolsonaroCorno é assunto mais comentado nas redes após vir à tona traição de ex-mulher

Deixe um comentário