Bolsocaro – Inflação nos alimentos: leite, frutas, feijão e pão ficam mais caros

No caso do leite, no ano, a variação acumulada do produto chega a 57,42%. Segundo o IBGE, comer fora ou em casa pesou no bolso do brasileiro

A prévia da inflação, que é o aumento geral de preços, mostra a dura realidade que o consumidor brasileiro percebe diariamente na gôndola do supermercado: se alimentar está cada vez mais caro.

Os preços do leite e derivados, das frutas, do feijão e do pão francês foram os que mais subiram em julho. No caso do leite, para o leitor ter dimensão do encarecimento, no ano, a variação acumulada do produto chega a 57,42%.

Leite longa vida – 22,27%
Requeijão – 4,74%
Manteiga – 4,25%
Queijo – 3,22%
Frutas – 4,03%
Feijão-carioca – 4,25%
Pão francês – 1,47%

Leia a íntegra no Metrópoles.

Deixe um comentário