Um evento que era para ser de celebração terminou em tragédia no Norte de Minas Gerais. Dois adolescentes, um garoto de 13 anos e uma menina de 12, morreram afogados durante cerimônia de batismo de uma igreja evangélica em uma represa no último domingo (30).

O evento religioso foi realizado na represa Machado Mineiro, que fica na comunidade Nogueira, zona rural da cidade de Ninheira, próximo à divisa com a Bahia. Os dois adolescentes foram batizados, assim como outros fiéis, em uma parte rasa da represa. Depois, foi realizado um churrasco às margens do local e algumas pessoas resolveram nadar. Em dado momento, adultos perceberam que Renan Felipe Souza Santos e Isabella Soares Faria estavam se afogando.

Um grupo, então, se mobilizou para resgatar os dois adolescentes. Segundo a Polícia Militar, a garota foi retirada da água ainda com vida e levada a uma unidade de saúde, mas não resistiu e faleceu. O menino, por sua vez, já havia morrido na represa quando seu corpo foi resgatado.

Relatos de testemunhas dão conta de que outras pessoas que foram nadar na represa se afogaram, mas foram resgatadas com vida e se recuperaram.

Os corpos das duas vítimas fatais foram velados na segunda-feira (1) em uma igreja evangélica de Ninheira sob forte comoção da população.

Em nota divulgada através das redes sociais, a prefeitura da cidade informou que “lamenta profundamente” a fatalidade.

Confira:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 + sete =