A Agência Municipal de Água, Saneamento Básico e Energia de Montes Claros (AMASBE), órgão da Prefeitura, realizou fiscalização nas unidades que compõe o sistema de abastecimento de água dos distritos de Montes Claros. A fiscalização aconteceu entre os dias 15 e 25 de julho e teve por objetivo checar as condições de operação das estações, a limpeza, a manutenção das instalações físicas, além de verificar o atendimento às normas e resoluções que regem a prestação do serviço.

A equipe técnica visitou os distritos e comunidades rurais de Aparecida do Mundo Novo, Canto do Engenho, Santa Rosa de Lima, Ermidinha, Miralta, Vila Nova de Minas, Lagoinha, São Pedro da Garça, São João da Vereda e Nova Esperança. Em Nova Esperança, a visita aconteceu também na Agência de Atendimento e na Estação de Tratamento de Esgoto.

Os representantes das localidades foram convidados a participar das vistorias para conhecer de perto as unidades da Copasa e entender as funções, objetivos e a importância das atividades da AMASBE. Eles apresentaram também as demandas da comunidade em relação aos serviços públicos de abastecimento de água e esgotamento sanitário. Nos distritos, o abastecimento é feito por meio de poços, que demandam um acompanhamento contínuo. Apenas em São João da Vereda o abastecimento é feito através de adutora de derivação da Estação de Tratamento de Água do Pacuí.

“De forma geral, a água dos poços passa obrigatoriamente por etapas de cloração, para desinfecção e prevenção do crescimento de microorganismos nas redes de distribuição, e fluoretação, para redução de prevalência de cárie dentária. No entanto, os distritos Aparecida do Mundo Novo e Santa Rosa de Lima utilizam também a etapa de filtração, para remover impurezas sólidas, reduzir a turbidez, cor e diminuir o excesso de ferro e manganês. Além da captação e tratamento, foram vistoriadas as condições estruturais dos reservatórios que armazenam a água que será distribuída”, destaca Lorena Maria Guimarães Alves, diretora de Qualidade e Fiscalização da AMASBE.

Lorena enfatiza ainda que “nesta ação de fiscalização, os técnicos da AMASBE acompanharam também a coleta de água para análise laboratorial nos distritos de Miralta, Vila Nova de Minas e Nova Esperança, visando verificar a execução dos métodos utilizados pela concessionária para a realização das análises físico-químicas e microbiológicas para conjuntos de parâmetros de qualidade, conforme definido na legislação relativa aos padrões de potabilidade. As coletas de amostras fazem parte das ações de rotina para verificar a qualidade da água fornecida para o consumidor”, afirma.

Agora, a AMASBE vai expedir relatório sobre os serviços prestados à população, com foco nos aspectos citados, apresentando os resultados laboratoriais e avaliando se tudo está em conformidade com as prescrições constantes nas leis, normas e regulamentos específicos do setor.

A AMASBE reitera assim seu objetivo de cumprir o seu papel de agência reguladora ao fiscalizar e se antecipar a possíveis irregularidades e prejuízos à população.

A Agência funciona na avenida Cula Mangabeira, 211, Centro. Whatsapp para reclamações: (38) 98403-7570. Telefone: (38) 2211-3066.

Fonte: Ascom/Prefeitura de Montes Claros

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × 3 =