Sem ônus para as prefeituras, a transição de tecnologia, do analógico para o digital, será conforme a determinação da Anatel.

Em busca de oportunidades para as cidades da região, a Associação dos Municípios da Bacia do Médio São Francisco (AMMESF) também fomenta a inovação tecnológica para os seus afiliados. Dentre as ações propostas, está acelerar a implementação do sinal digital de TV, em parceria com a empresa Seja Digital.

Criada conforme determinação da Anatel, a mais nova parceira da AMMESF é a associação administradora do processo de redistribuição e digitalização de canais de TV e RTV, que gerenciará o Programa Digitaliza Brasil, instituído pelo Ministério das Comunicações, através da portaria 2.524 de 04 de maio de 2021.

Conforme as determinações da Anatel, todos os municípios que têm o sinal analógico de TV aberta, terão até o dia 31 de dezembro de 2023 para finalizar o processo de digitalização dos sinais. Após essa data, todas as transmissões de TV analógica deverão ser desligadas.

A AMMESF, por meio do presidente Pedro Braga, selou o convênio com a Seja Digital para que esse processo seja ainda mais acessível e ágil para as prefeituras da região. Todos os equipamentos necessários para a transição de tecnologia, avaliados em 500 mil reais, serão cedidos gratuitamente para os municípios interessados em aderir ao programa. A contrapartida das gestões municipais será apenas no fornecimento de um local para a instalação da infraestrutura compartilhada, com a garantia de manutenção, operação e segurança, de todos os equipamentos.

Para Pedro Braga, “a adesão deste programa é uma oportunidade única para os municípios. Infelizmente, quem não optar por participar agora, no futuro terá que arcar com todos os custos. A TV Digital oferece melhor qualidade de som, imagem e uma programação mais ampla e gratuita para a população”. Explicou o presidente da AMMESF.

“A operacionalização do projeto será conduzida pela Seja Digital. Essa parceria com a AMMESF tem o intuito de anteciparmos o processo, que não oferecerá ônus para os municípios, durante a implantação”. Destaca Aílton Gobira, coordenador de operações da empresa Seja Digital em Minas Gerais. Para mais informações, acesse o site oficial da empresa: sejadigital.com.br/.

Via: Ascom AMMESF

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 − 6 =