O Chinelão dos Tropeiros foi feito nos moldes do projeto original do saudoso artista plástico Konstantin Christoff, conforme réplica apresentada pelo filho do renomado artista, Igor Christoff. O monumento, de 3 metros de extensão e 1 largura, foi construído no pátio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Sustentável. A obra é de autoria do artista plástico Roberto Marques, auxiliado por servidores públicos.

O prefeito Humberto Souto, como forma de resgatar a memória de Montes Claros e, também, como homenagem aos antigos habitantes da cidade, irá inaugurar nesta quarta-feira, 12, o novo Chinelão dos Tropeiros. A solenidade será realizada às 19 horas, nas proximidades do trevo do Aeroporto “Mário Ribeiro da Silveira”.

O Chinelão, da década de 1970 até os anos 1980, foi símbolo do município e, até mesmo, atração turística da cidade. A decisão de construir um novo monumento veio depois que se descobriu que a obra antiga não era a realmente projetada por Konstantin. A ideia de reconstruir o chinelão foi do secretário municipal de Meio Ambiente, Paulo Ribeiro.

A medida é um resgate da memória de Montes Claros, através de ações criativas e de grande importância para crianças, jovens, adultos e idosos, que terão a chance de reviver a época interiorana do município e do Norte de Minas. O Chinelão dos Tropeiros foi retirado do trevo do Aeroporto por ocasião das obras de duplicação da Avenida Magalhães Pinto, em 2008.

O secretário Paulo Ribeiro afirmou que Montes Claros merece reviver suas origens e sua história. Lembrou que, neste sentido, a Administração atual não está medindo esforços para valorizar os montes-clarenses e norte-mineiros, através de ações concretas e criativas.

Fonte: Ascom/Prefeitura de Montes Claros

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 − um =