– O jovem de 19 anos morto por um segurança do supermercado Extra da Barra da Tijuca na última quinta-feira 14, Pedro Oliveira Gonzaga, era dependente químico e estava a caminho de uma clínica de reabilitação junto com a mãe, Dinalva Oliveira, em Petrópolis.

Uma reportagem do jornal O Globo relata que Dinalva parou na Praça de Alimentação do supermercado para almoçar com o filho antes de levá-lo para a clínica e que sua mala já estava no carro. Pedro era de uma família de classe média que morava na Barra.

Segundo uma amiga da família, o jovem teve um surto, uma alucinação, e correu em direção ao segurança, que o imobilizou com um ‘gravata’ e não o soltou mais, por cerca de quatro minutos, apesar dos apelos da mãe, que dizia que ele não estava armado e sua mão estava ficando roxa. O segurança só respondia, aos gritos, que ela estava mentindo.

Em depoimento à Delegacia de Homicídios da Capital, o segurança que lhe aplicou o golpe contou que Pedro tentou tirar a arma dele e disse ter agido em legítima defesa. No entanto, havia outros seguranças no local e um vídeo que mostra a cena anterior ao estrangulamento comprova que o jovem não tentou pegar a arma.

VÍDEO PROVA QUE JOVEM ASSASSINADO NO EXTRA NÃO TENTOU ROUBAR ARMA DE SEGURANÇA

 Vídeo da câmera de segurança do supermercado Extra mostra que não houve tentativa do jovem Pedro Henrique Araujo, 19 anos, de tentar pegar a arma do segurança do estabelecimento, Davi Ricardo Moreira Amancio, que o matou nesta sexta-feira, no Extra da Barra da Tijuca, Rio de Janeiro.

Renê Silva, editor-chefe do Voz das Comunidades, compartilhou nas redes sociais a reportagem com o vídeo. “Imagens exclusivas do #RJTV @RedeGlobo mostram que o rapaz caiu no chão duas vezes e que não estava tentando pegar arma do segurança. E aí?”, questionou o comunicador e ativista.

Imagens exclusivas do @RedeGlobo mostram que o rapaz caiu no chão duas vezes e que não estava tentando pegar arma do segurança. E aí?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × três =