Lula destacou o trabalho feito pelos quase mil especialistas dos grupos de transição

(foto: Ricardo Stuckert/PR)

Presidente lançou campanha para comemorar a data; petista também criticou a quantidade de problemas criados na gestão de Jair Bolsonaro

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse neste domingo (9/4) que, em 100 dias de governo, foi possível reverter um um quadro negativo provocado pelo ex-chefe do Executivo Jair Bolsonaro (PL).

“Amanhã (segunda-feira), meu terceiro mandato como presidente da República chega à marca dos 100 dias. É um período curto se comparado aos 1.460 dias de trabalho para os quais fui eleito pela maioria do povo brasileiro. (…). Mas em 100 dias, conseguimos reverter um cenário estarrecedor”, escreveu em sua página no Twitter.

De acordo com ele, os problemas herdados foram tantos que o termo “reconstrução” foi incorporado ao slogan do governo federal. Lula também destacou o trabalho feito pelos quase mil especialistas dos grupos de transição.

“Não existem dois Brasis, o Brasil de quem votou em mim e o Brasil de quem votou em outro candidato. Somos uma nação”, afirmou o presidente, se referindo à polarização vista nas eleições, quando ele superou Bolsonaro por 60,3 a 58,2 milhões de votos.

Campanha de comemoração

Lula vai atingir a marca dos 100 dias nesta segunda-feira (10/4). Para celebrar o fato, governistas compartilharam o vídeo da campanha “O Brasil voltou” já nesse sábado (8/4).

A peça de 1 minuto mostra paisagens do Brasil, com uma música em ritmo animado, pessoas trabalhando, acessando equipamentos culturais, praticando esporte e recebendo atendimento médico, além de exibir crianças em escolas e máquinas agrícolas no campo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × um =