Jardins para Borboletas – Prefeitura homenageia mulheres que fizeram a diferença em Montes Claros

Com a finalidade de embelezar a cidade, a Prefeitura de Montes Claros, em parceria com o Ministério Público Estadual, irá viabilizar o projeto Jardim para Borboletas, instalando jardins e esculturas de borboletas pelo município.

Para o prefeito Humberto Souto, este projeto vem contemplar uma importante parceria que vem sendo firmada com o Ministério Público. “O meio ambiente nunca teve o amparo que vem tendo atualmente. Criamos e revitalizamos praças e parques, inclusive com pistas de caminhadas, e embelezamos a cidade com obras de arte, dando uma melhor qualidade de vida para a população. E o Ministério Público vem sendo um importante parceiro, sensível com as questões ambientais do município”, informou. Segundo ele, o projeto “Para Além das Prisões” é o maior exemplo desta parceria entre a Prefeitura e o Ministério Público Estadual. “A ressocialização e prestação de serviços de pessoas privadas de liberdade em Montes Claros é um projeto pioneiro que vem utilizando mão de obra dos reeducandos, principalmente na ajuda na construção e instalação das esculturas e dos jardins, além de ser uma oportunidade de qualificação profissional”, enalteceu Souto.
Segundo o secretário municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Montes Claros, Paulo Ribeiro, as borboletas serão confeccionadas com vergalhões e sucata, e receberão ao seu redor tratamento paisagístico para ressaltar a obra de arte e atrair borboletas. “A obra de material reciclável é assinada pelo artista Gu Ferreira, e será executada em parceria com egressos do sistema prisional que participam do projeto Para Além das Prisões. E o jardim será projetado pelo professor Cristiano Coimbra”, explicou Ribeiro, informando que grande parte do material utilizado para as obras foi doada pela empresa ArcelorMittal, sendo que o material complementar, especialmente o de acabamento, ficará sob a responsabilidade do Conselho da Comunidade na Execução Penal da Comarca de Montes Claros, que também é parceiro deste projeto.

“A primeira escultura com um jardim para borboletas será inaugurada no próximo dia 23, em homenagem à promotora Ana Eloísa Marcondes da Silveira, pelos seus relevantes serviços prestados em Montes Claros, especialmente ao meio ambiente. E, posteriormente, este projeto será estendido para outros espaços em homenagem a outras mulheres que contribuíram para o desenvolvimento da cidade”, informou a diretora de Meio Ambiente, Anildes Evangelista.
“A inauguração desta escultura, juntamente com o jardim para borboletas, na ocasião do Congresso Mineiro das Promotorias de Justiça, que acontecerá em Montes Claros, será uma justa homenagem para nossa colega Ana Eloísa Marcondes da Silveira, em reconhecimento ao seu trabalho realizado no Norte de Minas em defesa do meio ambiente e pela sua luta por uma sociedade socioambientalmente mais justa”, exaltou o promotor de Justiça, Paulo César Vicente de Lima,

Via Ascom/Prefeitura de Montes Claros

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 − 5 =