Corpo do político será sepultado em Januária, no Norte de Minas, nesta terça-feira

Deputado estadual Cleuber Carneiro – (crédito: Helena Leão/ALMG)

Por Luiz Ribeiro EM
LUTO NA POLÍTICA MINEIRA – O ex-deputado (estadual e federal) Cleuber Brandão Carneiro, de 84 anos, morreu na tarde desta segunda-feira (15/04), em Belo Horizonte. Ele estava internado no Hospital Felício Rocho, com problemas cardíacos.
O corpo do ex-parlamentar será velado a partir das 12 horas desta terça-feira (16/04), no Salão da Funerária Avelar, em Januária, no Norte de Minas. O enterro acontecerá no cemitério local, às 9 horas de quarta-feira (17/04).
Cleuber Carneiro foi vereador e prefeito de Januária (às margens do Rio São Francisco) na década de 1970. Ele exerceu cinco mandatos de deputado estadual (1979 a 1998) e dois mandatos na Câmara Federal (1999 a 2007).
Também advogado, professor e produtor rural, com base eleitoral no Norte de Minas, Cleuber Carneiro foi vice-presidente (1989/1990) da Assembleia Legislativa de Minas e participou da elaboração da Constituição Mineira, promulgada em 15 de setembro de 1989.
Na legislatura de 1987 a 1990, como liderança do antigo PFL, ele ganhou notabilidade por fazer uma forte oposição ao então governador Newton Cardoso (MDB), que enfrentou pedidos de impeachment na casa.

Nota de pesar
O presidente do Senado, Rodrigo Pachedo (PSD), divulgou nota de pesar pelo falecimento do ex-deputado mineiro.
“Lamento a morte do ex-deputado Cleuber Carneiro, ocorrida nesta segunda-feira, e externo meus sentimentos aos familiares, aos amigos e admiradores de Carneiro, que protagonizou uma extensa carreira na vida pública”, diz a nota.

Luto
A Prefeitura de Januária decretou luto oficial no município em função do falecimento do ex-deputado e ex-prefeito da cidade. No decreto, assinado pelo prefeito de Januária, Maurício Almeida, é ressaltado que o luto oficial se justifica considerando “ os inestimáveis trabalhos dedicados a toda comunidade Januarense” por Cleuber Carneiro no decorrer de sua vida como cidadão, vereador, prefeito e deputado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 5 =