Em Montes Claros, assim como em todo o Norte de Minas, já se pode sentir o aroma do fruto mais querido da nossa região: o pequi.

Além de ser uma estrela da nossa culinária, trazendo seu sabor e cheiro inconfundíveis para uma infinidade de pratos, o pequi garante renda a milhares de famílias da zona rural.

A Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SEMMA) da Prefeitura de Montes Claros atua de forma efetiva na proteção do pequizeiro: quem derruba a árvore incorre em crime ambiental, estando sujeito a responder dentro dos rigores da lei.

O pequi é utilizado como alimento puro, além de integrar a tradicional dupla “arroz com pequi”. Também é utilizado como medicamento fitoterápico no tratamento de várias enfermidades. Sua polpa pode ser encontrada para venda.

O vendedor ambulante Gilvani Freitas Melo, mais conhecido como Lorim, garante que o comércio do pequi é garantia de uma renda a mais e que, nessa época do ano, já faz compromissos financeiros contando com o lucro da venda desse fruto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte + 14 =