“Rogo a Nossa Senhora Aparecida para proteger e curar o povo brasileiro, para libertá-lo do ódio, da intolerância e da violência”

Frase, dita após referência à beatificação da Menina Benigna, foi interpretada como um claro aceno à candidatura de Lula
O Papa Francisco fez um aceno nesta quarta-feira (26), ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), durante a Audiência Geral no Vatiano.

Sem citar o nome, Francisco afirmou rogar “a Nossa Senhora Aparecida para proteger e curar o povo brasileiro, para libertá-lo do ódio, da intolerância e da violência”. Veja a transcrição do Vatican aqui.

O Papa se referiu ao Brasil após falar sobre a beatificação de Benigna Cardoso da Silva, mais conhecida como Menina Benigna, jovem católica brasileira, assassinada aos treze anos de idade, ao defender-se do assédio sexual.

“Saúdo os peregrinos de língua portuguesa, especialmente os de São Salvador da Bahia, Anicuns, Taubaté e São Paulo. Caros irmãos e irmãs, anteontem, no Crato, no estado brasileiro do Ceará, foi beatificada Benigna Cardoso da Silva, jovem mártir que, observando a palavra de Deus, manteve sua vida pura, defendendo sua dignidade. Que o seu exemplo nos ajude a ser generosos discípulos de Cristo. A vida do mundo depende do nosso testemunho consistente e alegre do Evangelho. Uma salva de palmas para o novo Beato!”, disse Francisco sob aplausos.

“Rogo a Nossa Senhora Aparecida para proteger e curar o povo brasileiro, para libertá-lo do ódio, da intolerância e da violência”, encerrou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dez − 2 =