Orientação direcionada aos alunos reforça a necessidade de adotar medidas para manter uma “situação epidemiológica de controle”

PUC Minas volta a recomendar uso de máscaras em pessoas sintomáticas — Foto: ALEX DE JESUS

O uso de máscaras em pessoas com sintomas gripais voltou a ser recomendado na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas). A orientação é do Comitê de Monitoramento do Coronavírus da instituição, que chama a atenção para o aumento de casos de Covid-19 em Belo Horizonte.
O comunicado foi enviado aos alunos nesta quinta-feira (23 de novembro). “Consideramos importante retomar as orientações para a prevenção e combate à doença”, diz trecho do documento, que reforça que se trata de uma recomendação, não uma obrigação.

“Reiteramos que, apesar do aumento do número de casos, ainda vivemos uma situação epidemiológica de absoluto controle, mas cabe a cada um zelar para que todos possamos permanecer em segurança, adotando as medidas de prevenção ao contágio”, informou o comunicado.

Alta de casos de Covid-19 em BH
Em uma semana, entre 15 e 22 de setembro, Belo Horizonte registrou 982 casos e quatro mortes por Covid-19. Neste mês, foram 1.727 infectados. A alta de casos ocorre em meio à baixa cobertura vacinal com o imunizante bivalente, que oferece maior proteção contra variantes.
Apenas 24,4% da população com idade entre 18 e 59 anos foi vacinada com a bivalente. Entre os idosos, a cobertura é de 51,8%.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

sete − três =