A ainda deputada Raquel Muniz, foi duplamente derrotada nestas eleições. Primeiro, porque ela não conseguiu ser reeleita, mesmo com toda dinheirama na sua mega campanha política. Segundo, por enxergar seu algoz, o delegado da Polícia Federal de Montes Claros, sendo eleito deputado federa.

O delegado Marcelo de Freitas, foi o responsável pela prisão do marido de Raquel, o ex-prefeito de Montes Claros, Ruy Muniz.
Ao votar pela abertura do processo de impeachment, Raquel elogiou a gestão do marido em Montes Claros. “Meu voto é em homenagem às vítimas da BR-­251. É para dizer que o Brasil tem jeito, e o prefeito de Montes Claros mostra isso para todos nós com sua gestão”, declarou.

No dia seguinte, Ruy Muniz foi preso pela Polícia Federal por suspeita de favorecer hospitais particulares e depois cumpriu prisão domiciliar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 1 =