O suplente João Paulo Bispo foi empossado hoje como vereador em Montes Claros, em solenidade realizada no plenário da Câmara Municipal. Ele assume a vaga do agente da Polícia Federal, Claudio Prates, do PTB, que desde o dia 1º de abril renunciou ao cargo. A posse seria realizada ontem de manhã, mas o presidente da Câmara Municipal, José Marcos Martins, tomou a iniciativa de agendar para hoje, antes da sessão ordinária. João Paulo teve 1.393 votos na eleição de 2016, ele que está filiado ao PSB. Mesmo sendo correligionário do ex-prefeito Ruy Muniz, o médico promete independência.

Leia também

Claudio Prates renuncia seu mandato de vereador de Montes Claros

– Infidelidade partidária impede Fabim do Hip-Hop de voltar à Câmara

– PSB ignora Fabin do Hip-Hop e indica João Paulo para o lugar de Cláudio Prates

A posse de João Paulo Bispo foi determinada pelo presidente José Marcos Martins, depois de o juiz Vitor Almeida Silva, da 317ª zona eleitoral de Montes Claros, ter respondido a consulta da Câmara Municipal sobre quem deveria assumir o cargo. É que o ex-vereador Fábio Neves, primeiro suplente, se desfiliou do PSB em junho de 2018 e se filiou ao PRONA, para ser candidato a deputado estadual, porém, ele depois se desfiliou desse partido. O juiz entende que Fábio Neves não está apto a assumir como vereador, por que deixou de estar filiado em algum partido.

Ontem de manhã, o ex-vereador Fábio Neves foi a Câmara Municipal, quando apresentou uma liminar do Tribunal de Justiça de Minas Gerais de que não precisaria estar filiado ao partido para assumir o cargo, pois prevalecia a diplomação da época. O presidente, José Marcos Martins, não acatou a argumentação do ex-vereador e manteve a posse de João Paulo Bispo.

Com informação do Gazeta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + quatro =