O narrador e jornalista esportivo de 89 anos, criticado por sua fala, disse não se tratar de machismo
Sílvio Luiz.
O narrador e jornalista esportivo Sílvio Luiz, 89 anos, comentou em entrevista ao podcast Pod Chegar sobre as mulheres que ganharem espaço em narração de jogos na TV brasileira.

“Com sinceridade, não gosto. É uma falta de adaptação. Vai chegar um dia que eu vou gostar, mas no momento eu não gosto. Quando eu vejo que uma mulher está narrando eu mudo para outro canal onde tem um homem”, disse Sílvio, quando indagado pela apresentadora Silvia Vinhas.

Machismo

Perguntado se não estava sendo machista, respondeu: “Não, pelo amor de Deus. Não é que eu não queira que ela narre. Eu quero que ela narre, mas meu ouvido ainda não se adaptou. É um espaço muito bem adquirido, depois de muita briga. Esse tom de voz que eu ainda não me adaptei”, completou.

Sílvio Luiz está na Rede TV, onde faz comentários sobre futebol na Rede TV News. Ele esteve recentemente na Record, narrando para as plataformas virtuais os jogos do Paulistão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete + 5 =