Major Vitor Hugo e Coronel Tadeu, ambos do PL, tiveram contas retidas no Twitter — Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados e Billy Boss/Câmara dos Deputados

O Twitter reteve mais duas contas de políticos ligados à direita neste domingo (6). Após suspender o perfil do vereador de Belo Horizonte e futuro deputado federal Nikolas Ferreira (PL), o site não mostra mais as atualizações dos deputados federais Coronel Tadeu (PL-SP) e Major Vitor Hugo (PL-GO).

O Twitter não dá explicações sobre o que motivou a retenção das contas dos três políticos, mas exibe a seguinte mensagem em todos os casos: “A conta foi retida no Brasil em resposta a uma exigência legal”.

No caso de Nikolas, o próprio vereador informou que a medida da rede social atendeu a uma determinação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O Instagram do futuro deputado também foi suspenso por algumas horas, mas ele retomou o acesso nesse sábado (5), quando publicou uma foto do presidente Jair Bolsonaro (PL) fazendo um coração, com a legenda “Oi, testando”.
Siga O Tempo no Google News
Seguir

Os três políticos fazem parte de um grupo de parlamentares que tem questionado os resultados das urnas eletrônicas, que deram a vitória a Luiz Inácio Lula da Silva (PT) há uma semana. Eles têm usado um relatório do argentino Fernando Cerimedo para apontar eventuais fraudes no pleito. O documento, no entanto, não traz qualquer comprovação de falha na apuração.

Outro que teve a conta suspensa foi Marcos Cintra, candidato a Vice-Presidência do Brasil na chapa de Soraya Thronicke (União Brasil).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete − 14 =